Mensagens 1

“O ser humano é o mais variado e o mais inesperado dentre todos os seres do universo conhecido. Relacionar-se com ele é, por isso, a mais emocionante das aventuras. Em nenhuma outra assumimos tanto o risco de nos envolver, de nos deixar seduzir, arrastar, dominar, encantar...”

Ademir Barros.

 

“Um povo se faz rico, honrado e equilibrado quando liderado por grupos de homens justos”.

 

“As crianças estão mais adultas, resta aos adultos serem mais crianças, para uma harmonia capaz de fazer a humanidade mais realizadora e feliz”.

 

“Diante da fragilidade da vida, o egoísmo se desfaz, dando lugar ao amor que une os homens, em trabalhos que constroem o bem estar de todos os seres vivos e a perfeição da matéria”.

 

“Somente uma filosofia honesta sobrevive à nossa existência”.

 

“Diante da falha humana suplicamos a providência divina”.

 

“Tudo na vida é uma questão de tempo, espaço, ação e convicção”.

 

“A máquina é uma expressão da inteligência do homem; o universo é uma expressão do poder de Deus”.

 

“A verdadeira paz só virá aos homens, quando todos atingirem um mesmo grau de evolução”.

 

“Evite os que desejam embrutecer-te; somente o tempo os evoluirá”.

 

“Felizes são os que, na hora do vendaval, têm capacidade de munir-se de coragem, fé, esperança e paciência, e esperar até que, de novo, Deus os faça ter de volta a paz, que os envolverão num ardente desejo de viver”.

 

“Para os mortos, paz eterna; para os vivos, disputa e luta e para os desequilibrados, a guerra”.

 

“Viver sabiamente é evitar, ou vencer, os maus momentos e desfrutar intensamente dos bons momentos. O pior da vida não é morrer, o pior é não saber viver”.

 

“Para nascer ou para morrer não existe lugar, muito menos para parar (em todos os lugares pode-se nascer ou morrer, em nenhum pode-se parar)”.

 

“Para melhorar, todos teremos que colaborar ou nunca teremos paz”.

 

“A inteligência está em converter o mal em bem”.

 

“A luta pelo progresso, muitas vezes, dá origem a problemas tão amargos que chegam a embrutecer os indivíduos; eles precisam da colaboração dos que ainda são puros”.

 

“Ajudai-vos uns aos outros para juntos descobrirmos o caminho da verdade”.

 

“Será que o que estou escrevendo vale o bem estar de todos? Porém, estou certo de que, cada um dos meus semelhantes está me fazendo o bem; obrigado, meu Deus, por esta minha certeza. Confiando em meus irmãos, estarei confiando em meu Criador”.

 

 

A ÁRVORE DAS NOSSAS RELAÇÕES

 

 

Oi! Tudo bem? Saia

de casa só pelo gosto de caminhar.

Sorria para todos. Faça um álbum de família.

Conte as estrelas. Telefone para seus amigos. Diga: “gosto

muito de você”. Converse com Deus. Volte a ser criança. Pule corda.

Apague de vez a palavra “rancor”. Diga “sim”. Dê uma boa risada! Leia um

livro. Peça ajuda. Corra. Cumpra uma promessa. Cante uma canção. Lembre o

aniversário de seus amigos.   Ajude alguém doente.  Pule para se divertir.   Mude o

penteado. Seja disponível para escutar. Deixe seu pensamento viajar. Retribua um favor.

Termine aquele projeto. Quebre uma rotina. Tome um banho de espuma. Escreva uma lista de

coisas que lhe dão prazer. Faça uma visita. Sonhe acordado. Desligue o televisor e converse.

Permita errar. Retribua uma gentileza. Escute os grilos.  Agradeça a Deus pelo sol.  Aceite um

elogio. Perdoe-se... Deixe que alguém cuide você. Demonstre que está feliz. Faça alguma

coisa que sempre desejou.  Toque a ponta dos pés.  Olhe com atenção uma flor.  Só por hoje,

evite dizer “não posso”. Cante no chuveiro. Viva intensamente cada minuto de Deus. Inicie

uma tradição familiar. Faça um piquenique no quintal... não se preocupe. Tenha coragem

das pequenas coisas. Ajude um vizinho idoso. Afague uma criança. Reveja fotos antigas.

Escute um amigo. Feche os olhos e imagine as ondas do mar. Brinque com o seu

mascote. Permita-se brilhar. Dê uma palmadinha nas suas próprias

costas. Torça pelo seu time. Pinte um quadro.

Cumprimente um novo vizinho.

Compre um presente

para você mesmo.

Mude alguma coisa,

Delegue tarefas.

Diga “bem vindo”

A quem chegou.

Permita que

Alguém o ajude.

A-GRA-DE-ÇA!

Saiba que não

Está só. Decida-se

A viver com

“paixão”, sem ela

Nada de grande se consegue.

 

 

 

 

“HOMENAGEM A MÃE IDOSA”

 

 

             Querida filha: no dia em que esta sua mãe não for mais a mesma, tenha paciência comigo e me compreenda.

             Quando eu derramar comida sobre minha roupa lembre-se quando era pequena e derramava comida pela roupa e pelo chão. Se quando conversar comigo eu repetir as mesmas histórias que sabes de sobra como terminam, não me interrompas e me escute.

             Quando era pequena para que dormisse tive que contar milhares de vezes as mesmas histórias até que você fechasse os olhinhos. Não me reprove se eu não quiser tomar banho, tenha paciência comigo, é que sinto meu corpo muito frio, meu sangue já não me aquece como antes. Mas lembre-se dos momentos que corri atrás de você para te convencer a tomar banho. Peço que tenha paciência para ouvir minhas histórias e lembranças dos tempos passados e faça de mim uma senhora respeitada e não uma mãe caduca e abandonada. Lembre-se que fui eu que te ensinou tantas coisas: comer, vestir-se e a enfrentar a vida; assim tão bem como hoje você faz.

             Isto é o resultado do meu esforço, da minha perseverança. Se em algum momento quando conversarmos, eu me esquecer do que estava falando tenha paciência e me ajude a lembrar, pois a única coisa importante pra mim neste momento é o fato de ter você perto de mim me dando atenção e não do que falamos.

             Se alguma vez eu não quiser comer o almoço ou no jantar saiba insistir com carinho. Compreenda que já não tenho dentes fortes e nem habilidade para engolir. Quando minhas pernas falharem por estarem tão cansadas e eu não conseguir mais me equilibrar, com carinho me dê sua mão para me apoiar assim como eu fiz quando você começou a caminhar com suas perninhas tão frágeis. E se algum dia me ouvir dizer que não quero mais viver, não te aborreças comigo, compreenda que é difícil para mim ver a vida abandonando aos poucos meu corpo e que é duro admitir que já não tenho o vigor para andar ao seu lado ou para tomá-la em meus braços como antes. Sempre quis o melhor para você e sempre me esforcei para que seu mundo fosse mais confortável, mais belo e mais florido do que o meu. E até quando for possível estarei sempre contigo e zelando por você. Não se sinta triste ou impotente por me ver assim, não me olhe com cara de dó, dá-me apenas seu coração, compreenda-me e me apóie assim como eu fiz com você quando começaste a viver, isto me dará forças e muita coragem. Da mesma maneira que te acompanhei no início de tua jornada, te peço que acompanhe para o término da minha.

             Trata-,e com amor e paciência, que te devolverei sorrisos e gratidão com imenso amor que sempre tive por você.

 

“SUA MÃE”

 

 

 

LEMAS:

 

· Saber

· Sentir

· Crescer

· Realizar

 

 

LIBERDADE:

PARA CRESCER EM SABEDORIA;

 

IGUALDADE:

PARA CRESCER NO AMOR;

 

FRATERNIDADE:

PARA CRESCER NA PAZ.

 

 

Oração

 

Senhor Jesus Cristo fazei entrar nesta casa:

- a felicidade sem fim,

- a alegria serena,

- a caridade benfazeja,

- a saúde duradoura.

Retirem-se daqui os anjos maus e venham os anjos portadores da paz.

Desapareça desta casa toda discórdia.

Manifestai, em nós o poder de vosso Santo Nome, e abençoai esta casa em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Amém.

 

Oração do amanhecer

 

Senhor

        No silêncio deste dia que amanhece,  venho perdir-Te a paz,  a sabedoria, a força.

        Quero olhar hoje o mundo com  olhos  cheios  de  amor;   ser paciente, compreensivo,  manso e prudente,  ver além das aparências teus filhos como Tu mesmo os vês, e assim não ver senão o bem em cada um.

        Cerra meus ouvidos a toda calúnia. Guarda minha língua  de toda maldade. Que eu seja tão bondoso e alegre,  que todos quantos se achegarem a mim sintam Tua presença.

        Reveste-me de Tua beleza,  Senhor,   e que no  decurso  deste dia, eu Te revele a todos.

A sabedoria da vida consiste em:

Observar,

Aprender,

Amar,

Assimilar,

Comparar e

Discernir,

Para que no convívio com nossos Irmãos de jornada, tenhamos o cuidado de não julgar precocemente, nos atendo apenas ao que é edificante e procurando compreender os que ainda estagiam pelos limites da intolerância e incompreensão, pois para galgar os difíceis degraus da evolução, devemos primeiro vencer a nós mesmos, lapidando nossas imperfeições e buscando dar de nós o melhor que pudermos oferecer, pois só assim praticaremos a verdadeira FRATERNIDADE.

 

 

DIANTE DA CONSCIÊNCIA

 

A vontade do Criador, na essência, é, para nós, a atitude mais elevada que somos capazes de assumir, onde estivermos, em favor de todas as criaturas.

Quem vem a ser, porém, essa atitude mais elevada que estamos chamados a abraçar, diante dos outros? Sem dúvida, é a execução do dever que as leis do Eterno Bem nos preceituam para a felicidade geral, conquanto o dever adquira especificações determinadas, na pauta das circunstâncias.

Vejamos alguns dos nomes que o definem, nos lugares e condições em que somos levados a cumpri-lo:

 

- na conduta - sinceridade;

- no sentimento - limpeza;

- na idéia - elevação;

- na atividade - serviço;

- no repouso - dignidade;

- na alegria - temperança;

- na dor - paciência;

- no lar - devotamento;

- na rua - gentileza;

- na profissão - diligência;

- no estudo - aplicação;

- no poder - liberalidade;

- na afeição - equilíbrio;

- na corrigenda - misericórdia;

- na ofensa - perdão;

- no direito - desprendimento;

- na obrigação - resgate;

- na posse - abnegação;

- na carência - conformidade;

- na tentação - resistência;

- na conversa - proveito;

- no ensino - demonstração;

- no conselho - exemplo.

 

Em qualquer parte ou situação, não hesites quanto à atitude mais elevada a que nos achamos intimados pelos Propósitos Divinos, diante da consciência. Para encontrá-la, basta procures realizar o melhor de ti mesmo, a benefício dos outros, porquanto, onde e quando te esqueces de servir em auxílio ao próximo, aí surpreenderás a vontade de Deus que, sustentando o Bem de Todos, nos atende ao anseio de paz e felicidade, conforme a paz e a felicidade que ofereçamos a cada um.

 

"Eu tenho uma espécie de dever, de dever de sonhar, de sonhar sempre, pois sendo mais do que um espectador de mim mesmo, Eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso. E assim me construo a ouro e sedas, em salas supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho entre luzes brandas e músicas invisíveis."

Fernando Pessoa

 

A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos,na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade.

A dor é inevitável. O sofrimento é opcional.

Carlos Drummond de Andrade